PARECER DA COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO CIENTÍFICO (CEPAC 2017)